Urban Folk


  • Qui, 30 de Maio, 20:30
  • Qui, 30 de Maio, 22:30
  • Centro de Convenções de Vitória
  • Vitória, ES, Brasil

Indisponível
Entrada
1º Lote
R$ 100,00
Cupom aplicado!
Cupom inválido!
  • R$ 0,00

  • Qui, 30 de Maio, 20:30
  • Qui, 30 de Maio, 22:30
  • Centro de Convenções de Vitória
  • Vitória, ES, Brasil

Descrição do evento

Ivan Aguilar celebra 30 anos de label e apresenta ‘Urban Folk’

São 30 anos de estrada. O fashion designer Ivan Aguilar celebra essas três décadas de percurso com a mesma serenidade com que transita na moda masculina e, mais recentemente a feminina, e apresenta a coleção ‘Urban Folk’, sua fornada comemorativa de 40 looks da label que leva seu nome. É a primeira vez que o estilista lança uma coleção inédita no estado e cidade onde fincou raízes.

E Urban folk por quê? É étnica? "Nada disso", se apressa em deixar claro Ivan. Ele usa esse nome em virtude de um movimento que ele chama de slow life, de se voltar para o campo para meditar, para se entregar à reflexão, ao respiro. E é nesse clima campestre sofisticado que se situa o inspiracional da coleção: o barulhinho das folhas secas sendo arrastadas pela brisa, os raios suaves do sol iluminando os tons terrosos, a luz da manhã que aquece na varanda da cabana ou  entra pelas janelas da casa de veraneio, naquele contraluz que evoca a sensação de aconchego que só o campo permite, ao trazer memórias ternas de infância, com um livro no colo, entre uma xícara de café com umas gotas de brandy e uma caneca de chocolate quente.       

Os blasers, calças, ternos e costumes clássicos se completam com a linha casual: jaquetas, bombers, shorts, pijamas e overcoats, que comparecem com o DNA do designer perfeição no corte, destaque para o acabamento e a escolha dos tecidos, um must. Atenção para os forros em composê. Já as camisas vêm em seda com cores adamascadas. Na cartela de cores, os terrosos da vez, numa mistura sinestésica: ocre, toffee, café au lait, nougat, conhaque, uísque, amêndoa, macadâmia, marzipã e cáqui são aquecidos por vermelhos queimados laranja-raposa, brandy e licor , ao lado dos neutros: cinza, estanho, preto, marinho. Como sempre, os prints são highlights na passarela: xadrezes príncipe de gales, madras, tartans e até um tipo de padrão meio Burberry saem na frente no protagonismo dessa coleção, assim como estampas geométricas e de monograma remetem ao revival dos anos 2000.    

Sobre Ivan Aguilar

Mineiro radicado no Espírito Santo, o estilo para ele é um badalo, na mesma proporção com que Paris é uma festa para Hemingway. Ivan flana na moda e na vida; sua criação é fruto de experiências degustadas por andanças pelo Brasil, pelo recanto de Pedra Azul, lugarejo onde recarrega a bateria, e ao redor do globo, por onde circula com a delicada mineirice flapper de quem quer ter tempo a perder (ou ganhar!) com uma boa prosa, sorriso farto de menino estampado no rosto. Faz o que gosta, não necessariamente aquilo que acredita que vai bombar na quantidade, mas o que vai tornar o mundo muito mais bonito, na sua visão. E assim segue pleno, agradando sua clientela, até nas noivas que desenvolve com requinte, outro filão no qual atua.

Ivan Aguilar desfilou quatro anos na Casa de Criadores (2005-2008) e participou do Vitória Moda de 2008 a 2014. Ganhou projeção nos anos 2000, quando se tornou expoente da moda masculina no Fashion Rio. Em seguida, caiu de cabeça nas semanas de modas de Nova York e Miami e lançou em 2014 sua primeira linha feminina na New York Fashion Week, da qual faz parte até hoje do line-up de desfiles. Apaixonado pelo colorido e luminosidade do Rio, em 2016 mirou seu caleidoscópio cromático na Cidade Maravilha, se inspirando na obra da artista plástica Beatriz Milhazes numa coleção de verão que homenageou dois papas da moda dos anos 1970/80: Simon Azulay (Yes, Brazil!) e Luiz de Freitas (Mr. Wonderful) em desfile-show na escadaria do neoclássico Palácio Tiradentes, que parou o centro da urbe, durante o Rio Moda Rio. E recentemente, abriu sua flagship em Vitória. 


Quando
Onde
finalizar compra
  • Ivan Aguilar